BIOALINHAMENTO


Instituto Pro Therapie | Bioalinhamento
Instituto Pro Therapie | Bioalinhamento

Um paciente vai ao consultório do dentista com uma forte dor de dente. Ao examiná-lo, o profissional, após a investigação radiológica, percebe que não há nada de errado com a saúde bucal do cliente. Mas e a dor? Por que ela persiste? Qual a origem? Foi para dar respostas a essas e outras questões que o bioalinhamento, método terapêutico que investiga e promete tratar o ser humano de maneira integral, surgiu tendo como base conceitos da antroposofia, etologia animal, nova medicina germânica, psicologia transpessoal e até física quântica.


“Meu primeiro contato com o tema foi em 2013, quando fiz um curso de atualização em Belo Horizonte (MG) que abordou o assunto de somatização das doenças. Trocando em miúdos, refere-se a origem psicológica das doenças, como a saúde mental interfere na curas, e como são os processos fisiológicos e bioquímicos envolvidos”, explica o odontólogo Walter Maisonnett, que há cinco anos estuda técnicas envolvidas no tema. Foi ele quem atendeu o paciente da misteriosa dor no dente.


Na conversa, Walter descobriu que o paciente estava também com dor no joelho há dois meses e que havia passado por cirurgia na articulação há 12 anos. “Deduzi que dor de dente poderia ter origem na inflamação do joelho. Ao aplicar terapia neural na cicatriz da cirurgia tanto o dente como a articulação não doeram mais”, conta o dentista, que aconselhou o paciente a procurar especialista para se certificar de que não havia lesão residual assintomática.


A terapia neural tem princípios parecidos com os da acupuntura: considera o corpo como um todo, em que fatores físicos e emocionais, como um trauma ou uma cirurgia, desequilibram o sistema nervoso. E ela age nestes pontos de desequilíbrio. Como atua na área de disfunção crânio facial, Walter trata muito de dores na cabeça, pescoço e face. Ele aplica diversas técnicas para promover a cura e alívio da dor de seus pacientes, inclusive tratamento de algumas situações emocionais que, segundo o profissional, resultam em dores e patologias.


“No dia a dia, as formas mais comuns de aplicação são com acupuntura e terapia neural. As técnicas visam estimular o sistema nervoso central do paciente para que o próprio corpo regule os processos fisiológicos a partir dos estímulos corretos”, explica. Apesar de não ser “bioalinhador”, como é chamando o profissional focado na prática, o trabalho do dentista lembra muito o que prega a base principal do método. De acordo com o bioalinhamento, a cura é um caminho que depende muito do paciente. O terapeuta, ou bioalinhador, estimula o organismo por meio de toques sutis pelo corpo e, a partir destes estímulos, que se poderia observar melhoras significativas do sintoma ou a resolução total do problema.


Mesmo sem estudos científicos conclusivos que garantam a eficácia do método, o bioalinhamento tem conquistado adeptos pela promessa e relatos de cura. “A base da técnica é na relação entre os conflitos biológicos inscritos durante a vida e as ‘doenças’ orgânicas por eles gerados, oferecendo uma abordagem transpessoal como elo alinhador das funções normais do organismo integral”, afirma o fisioterapeuta Adalton Leonel de Souza que, ao lado do irmão gêmeo, Adaylton, viaja o País dando palestras sobre o método.


O QUE É BIOALINHAMENTO?

Conheça o conceito de bioalinhamento, segundo seus criadores. De acordo com os fisioterapeutas Adalton e o Adaylton Leonel de Souza, criadores do método, o bioalinhamento surgiu há quatro anos a partir de estudos teóricos e práticos sobre o comportamento do organismo. Eles afirmam que a técnica tenta compreender os comportamentos para estimular uma correção a partir de ações a favor da saúde do paciente ao invés de tentar combater apenas um sintoma. As bases inspiradoras incluem noções integradas de antroposofia, etologia animal, nova medicina germânica, psicologia transpessoal e física quântica. A ideia principal é equilibrar a relação entre os conflitos biológicos durante a vida e as doenças que seriam gerados por eles.


FONTE: https://bit.ly/2q5fw0z

379 visualizações

Posts recentes

Ver tudo